sexta-feira, 14 de maio de 2010

Erecção de 34 horas



O belga Yves Lecompte pôs o seu ex-médico em tribunal pelo facto de ter tido uma erecção de 34 horas motivada pela medicação a que esteve sujeito, facto que o deixou impotente.
in correio da manhã

Este tipo de erecção prolongada denomina-se de Priapismo. Eu como ignorante que sou, confesso que nunca tinha ouvido falar disto e então dei-me ao trabalho de pesquisar para não continuar inculto nesta matéria... Priapismo é uma condição médica geralmente dolorosa e potencialmente danosa na qual o pénis erecto não retorna ao seu estado flácido, apesar da ausência de estimulação física e psicológica. A erecção dura em média 4 horas, e pode levar à impotência sexual definitiva.

Ora bem, todos sabemos como funciona a mente masculina e numa situação normal isto seria coisa para nos gabarmos no café entre amigos enquanto se bebe uma mini e se fuma uns cigarritos... É claro que quem muito fala pouco faz, e geralmente quem vai para o café contar proezas e feitos dignos de registo no campo sexual geralmente só conta mentiras... Dei por mim a pensar que a pior coisa que se pode fazer a um homem é pôr em causa a sua masculinidade e a sua virilidade... Não percebo qual será o motivo de tanta insegurança masculina nesta matéria... meninas, este é o ponto fraco dos gajos, se os quiserem atingir, nada mais simples que dizer que eles não valem nada na cama.. arranjam logo depressão para meio ano...

Agora fiquem com este vídeo que vem mesmo a calhar:

video

.

4 comentários:

Nezinha disse...

As coisas que tu descobres... :p
Pois, normalmente o que acontece nos cafés é que uns contam as suas misérias ou feitos de grande masculinidade e depois dizem que foram os amigos que disseram ou fizeram, não é Mr. Heavy? Não há que ter vergonha de admitir o que quer que seja, porque estamos sempre em família, eheheh *

kiss

ps - quando voltas???

MR. HEAVY disse...

Nezinha: essa dos amigos é alguma indirecta??? ;) LOOL

Nezinha disse...

É uma directíssima!!!!!!!!! :)

SmS disse...

Ah n me digas q n conhecias o Príapo?!